Já viu Marte do tamanho da LUA?

Desde 2003 que várias pessoas nos questionam nas sessões de Astronomia no Verão, o que é “aquilo do planeta Marte ficar do tamanho da Lua no dia 27 de Agosto?” ou “o que vai acontecer no dia 27 de Agosto?”.

Hoje, aproveito para desmistificar e explicar esse “fenómeno do Super Marte”…

Quando essa pergunta vem à baila, a resposta é: “Isso é tudo mentira!”

Há anos em que o planeta Marte nem está visível durante as noites de Agosto, e outros em que aparece mas como se fosse um pontinho de luz muito ténue, e a sua distância à Terra vai continuar a ser muito grande (hoje a 266 528 463 quilómetros).

Hoje (27 Agosto de 2012), e durante os próximos dias, Marte ainda aparecerá no céu desde o início da noite até às 22h (com Magnitude de: 1,18) e será apenas mais um pontinho luminoso quase desprezível.
Actualmente, no início da noite poderemos ver Marte e Saturno a poente (Oeste) mas por poucos minutos. Durante toda a noite estará visível a Lua na fase de quarto crescente e quando forem 00h40, um ponto mais brilhante aparecerá a nascente (Este) com magnitude de -2.16 – é o planeta Júpiter. Às 3h20 aparecerá um ponto ainda mais brilhante, com magnitude de -4,12 – é o planeta Vénus. Estes são e serão sempre os dois astros mais luminosos no céu, além do Sol e da Lua, obviamente.


Esta mensagem que circula via e-mail, refere que o planeta Marte será o mais brilhante no céu nocturno durante todo o mês de Agosto, e que é possível observa-lo a olho nu como se fosse do tamanho da nossa Lua, especialmente no dia 27, altura em que supostamente vai estar mais próximo da Terra. Nesta mensagem, dizem também que este fenómeno será particularmente visível pelas 00h30 e que só se irá repetir novamente em 2287.

Esta mentira, tem causado algumas confusões e até algum pânico junto das pessoas menos familiarizadas com a Astronomia.

As aproximações de Marte à Terra, ocorrem de 2 em 2 anos, mas mesmo assim, existem umas que são maiores que outras. Esta variação é devido à grande excentricidade da sua órbita, sendo que as maiores aproximações entre este planeta e a Terra ocorrem em períodos de cerca de 15 anos.

Contudo, o valor dessa distância é variável e por vezes acontecem recordes, como sucedeu a 27 de Agosto de 2003.

Mesmo quando o disco de Marte aparece em condições ideais, como naquela data, a olho nu este planeta aparece apenas com cerca de duas vezes o tamanho habitual, ou seja, ao lado da Lua, Marte parece sempre uma simples estrela. Para Marte se ver como uma a nossa Lua, teria de estar ampliado cerca de 75 vezes, o que só é possível quando observado por um bom telescópio.

Em virtude da grande propaganda que aconteceu em 2003, e por vezes com informação errada e sensacionalista, a partir dessa data começou a espalhar-se este e-mail durante todos os anos por altura do Verão.

Se alguma vez voltarem a ver este e-mail, já sabem… Isso é tudo mentira!

~ por aia2009 em 27 de Agosto de 2012.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: